Maternidade de substituição: o que é isso?

Maternidade de substituição  é uma tecnologia reprodutiva na qual uma mulher concorda em engravidar, gestar e dar à luz um filho para um casal infértil.

Significado e definição de maternidade de substituição

Por que as pessoas escolhem maternidade de substituição? Este é um passo forçado quando a família não pode engravidar naturalmente ou através de fertilização in vitro. Na Ucrânia, apenas casais heterossexuais, aprovados por razões médicas, podem usar os serviços de uma mãe substituta. Geralmente, trabalhamos com famílias em que a mulher não tem útero (ou é danificado por aderências, tumores),  teve abortos ou sofre de insuficiência ovariana prematura.

A lei da Ucrânia permite barriga de aluguel comercial, inclusive para casais estrangeiros. O que significa barriga de aluguel comercial? Os pais potenciais e a mãe substituta assinam um contrato com a agência. O contrato rege o relacionamento entre o casal e a mãe de aluguel.

Diferentes tipos de maternidade de substituição comercial

Existem 2 tipos de barriga de aluguel: gestacional e tradicional.

Gestacional – uma mãe substituta não tem conexão genética com a criança. Em geral, procedimento  é seguinte:

  1. Marido e mulher doam seus gametas (óvulos e esperma).
  2. O médico fertiliza o óvulo e cultiva o embrião.
  3. O médico transfere o embrião para o útero de uma mãe de aluguel.
  4. Uma mulher gesta e dá à luz um filho e depois escreve uma recusa do direito a ele.
  5. O bebê é registrado em nome de pais genéticos.

Tradicional – uma mãe substituta é a mãe genética da criança. Nesse caso, a mãe de aluguel é submetida ao procedimento de inseminação intra-uterina com esperma dum futuro pai ou doa seu óvulo. O oócito é fertilizado in vitro e transferido para o útero. Hoje, a barriga de aluguel tradicional não é usada por razões éticas. A tarefa da mãe de aluguel é “abrigar” o bebê por um tempo e, após o parto, devolvê-lo aos pais verdadeiros. Se uma mulher tem uma conexão genética com uma criança, essa tarefa se torna árdua. Portanto, a lei da Ucrânia declara que uma mãe substituta não pode usar seus óvulos no programa.

Informações sobre barriga gestacional na Ucrânia: características do uso de gametas

Vamos dar uma olhada em como é permitido o uso de material genético. O esquema ideal é quando marido e mulher dão seus gametas. Os médicos fertilizam os óvulos, monitoram seu desenvolvimento e, na fase de blastocisto, selecionam um, dois ou três embriões para transferência. O resto será criopreservado. No futuro, o casal poderá repassar a barriga de aluguel com embriões congelados. Se uma mulher não tem seus óvulos (ou eles são de baixa qualidade), a barriga de aluguel com o doador é aplicada. Um doador é uma mulher que não tem conexão genética com os pais ou com uma mãe de aluguel. O esperma do doador não é usado em programas de barriga de aluguel. O fato é que a maioria dos países (Alemanha, Espanha, França) considera automaticamente como mãe a mulher que carregou o filho. A afinidade é definida pela linha paterna. Agora imagine a situação: o esperma do doador foi usado para fertilização>  mãe substituta escreveu recusa da criança> o teste de DNA não mostra a afinidade do recém-nascido com o pai (o cliente da agência). Acontece que, de acordo com os documentos, a criança é de ninguém. Tal situação não deve ocorrer. No entanto, quase qualquer infertilidade masculina permite obter um esperma saudável. Para isso, realizamos os procedimentos PESA, TESA, TESE, MESE, quando o esperma é removido com uma agulha diretamente do testículo. A eficácia dos métodos é muito alta, portanto, a necessidade de esperma do doador é quase eliminada.

Maternidade de substituição gestacional na Ucrânia: por onde começar?

Convidamos casais de todo o mundo a participarem nesse programa na capital da Ucrânia – Kiev. Aqui estão algumas vantagens da maternidade de substituição gestacional na Ucrânia:

Legalmente
O estado apóia a maternidade de substituição comercial e garante que os programas sejam executados com eficiência. A lei também reconhece mãe e pai genéticos como pais de um filho. Nós indicamos seus nomes na certidão de nascimento.
Preço
O preço do programa aqui é, em média, 30% mais baixo do que em outros países europeus. 2,5 vezes mais barato do que no Canadá e 3 vezes mais barato do que nos EUA. A qualidade da medicina, no entanto, é alta. Além disso, a lei não define o valor mínimo ou máximo da compensação para uma mãe de aluguel (ou seja, Israel), por isso, aqui você pode escolher a melhor opção.
Sem limites
de idade
Alguns países permitem que os pais potenciais usem a fertilização in vitro ou maternidade de substituição apenas até uma certa idade (aproximadamente de 45 a 47 anos). Na Ucrânia, não existem tais regras.

Se você planeja barriga de aluguel no exterior, entre em contato com a VittoriaVita. É legal, seguro e fácil!

  • Contacte-nos

    A paternidade pode trazer muitas perguntas, incertezas e preocupações. Não se preocupe. Nosso conhecimento e experiência já ajudaram os casais a esclarecer todos os aspectos dessa questão. Com nossa assistência e orientação, vocês vão facilmente tornar-se um deles – os pais felizes.

  • Solicitação de Retorno de chamada
    *Campos obrigatórios